Rastreador de namorado é o mais novo aplicativo que virou febre!

Share Button


Você desconfia que está sendo traída ou traído pelo cônjuge e decide, então, instalar um aplicativo no celular do par para investigar a sua desconfiança. O Rastreador de namorado é o mais novo aplicativo que virou febre no meio da mulherada! Vamos e convenhamos, a coisa está complicada para o nosso lado mesmo. a mulherada esta caindo de pau em cima da rapaziada e quem tem o seu está se precavendo de futuros aborrecimentos ou surpresas. Se vem que nem todas avisam os namorados! A ideia pode parecer absurda, mas um programa para Android promete acabar com a festa dos infiéis e, de quebra, com a privacidade de qualquer pessoa.  A versão disponível no Play, a loja de aplicativos do Google, não permite que o programa seja escondido no celular da “vítima”. No entanto, os usuários têm como opção assinar uma atualização no valor de quatro reais mensais para receber no celular o recurso para ocultar o programa.

O detetive virtual da mulherada foi Batizado Rastreador de Namorado, o app foi desenvolvido por um paulistano de 27 anos. A inspiração veio de um amigo, também programador, que estava cansado de ouvir das colegas reclamações sobre traições. Foi daí que o desenvolvedor teve a ideia de criar um aplicativo para resolver o problema das cornas de plantão. Aí a coisa pegou de um jeito, mas ninguém assume, pois quem quer admitir que é corna? Já basta o sofrimento da traição gente!

Para piorar ainda mais a situação dos infiéis o programa é gratuito e, quando instalado, permite a um dos parceiros monitorar os passos de uma pessoa. O desconfiado recebe uma cópia de todos os SMS enviados a partir daquele smartphone, além de ter acesso à localização geográfica do número e aos dados de ligações efetuadas, como número discado e duração. Esse App  está dando o que falar e dando muitas separações também!

Apesar de contraditório, Danilo Neves Cruz, o programador por trás da aplicação, garante que recomenda aos usuários instalar o aplicativo apenas com o consentimento do cônjuge. “Algumas pessoas falam que esse aplicativo é coisa de neurótico, mas não nos preocupamos. Oferecemos a ferramenta e as pessoas a utilizam como acharem melhor”, diz o programador.

Mais de 110 000 pessoas já baixaram o app (todas as versões) nos celulares de seus respectivos.

Quer saber se está sendo traída? Aqui estão alguns sinais de traição

Nunca há ligações recebidas ou feitas no celular do parceiro/parceira: apagar rastros é necessário para quem trai, mas não manter as mesmas condições de pressão e temperatura de tempos normais vai criar mais desconfiança que aliviar a barra. Uma pessoa com o celular “limpo” o tempo todo ou é antissocial demais ou está aprontando alguma coisa.

Mudanças radicais de horário: se seu parceiro/parceira passa a fazer mais horas extras que convencional, as viagens e jantares de negócios aumentam e de repente ele ou ela começa a fazer cursos no meio da semana, isso significa que finalmente está crescendo um interesse no crescimento profissional. Se o curso não tem apostila ou material, o ramal nunca é atendido depois das 18h e nas viagens de negócios o celular não dava sinal, comece a desconfiar.

Horas acordado na frente do computador: traições virtuais também contam e salas de chats e mensageiros eletrônicos são ótimos locais para inocentes encontros. Fique alerta se toda noite é só você ir se deitar para seu parceiro/parceira correr para o computador.

Ele/Ela se distancia de sua família: isso faz parte do remorso do traidor já que quanto menos estiver envolvido no mundo do parceiro, menor culpa vai sentir. E não só a família do parceiro é abandonada. Os amigos também. Mesmo porque eles notam quando algo está errado.

“Papos-Cabeça” sobre códigos morais: esse é muito divertido. Se um dos dois começa a trazer assuntos polêmicos, como monogamia ser superestimada ou qual o sentido da expressão “eu te amo”, é sinal de que está precisando de alguma atenuante para o caso de ser descoberto fazendo algo que não devia.

Reações inusitadas a bons tratos: quando o parceiro(a) começa a agir estranhamente (se fecha, fica triste, etc) quando você faz algo bacana, gentil ou romântico é hora de promover uma DR. O traído é supostamente a pessoa que está transformando a vida do outro num inferno (daí a traição) e ao fazer algo legal, provoca o famoso sentimento de culpa no traidor e o força a repensar suas atitudes.

Montanha-russa de brigas: quando alguém decide trair, quer automaticamente sustentar suas atitudes criminalizando o outro, e dá-lhe inventar motivos para uma discussão idiota para poder justificar a fuga da relação. O inverso porém, também pode acontecer. Assuntos que antes eram polêmicos ou cobranças que eram feitas, de repente deixam de ser, e aí coisa pode estar pegando.

Acusações sem sentido: geralmente quando um parceiro constantemente faz acusações sem provas de que o outro o está traindo, provavelmente está projetando as suas próprias atitudes. O ato de trair é mais facilmente suportado que seu “dia seguinte” e a possibilidade de se ver na mesma situação que seu parceiro assombra.

Longas saídas para coisas rápidas: essa é ótima para casados. Quando o parceiro ou parceira começa a ficar extremamente solícito para realizar pequenas coisas fora de casa como ir ao mercado, levar o cachorro para passear, comprar cigarros e demora muito mais tempo do que deveria, então aí tem. É o momento perfeito para usar o celular e bater longos papos com o “outro” ou “outra”.

Mudanças radicais no visual: a pessoa começa a se preocupar em ficar mais elegante, jovial e sensual e ao mesmo tempo, tanto o sexo como o romantismo no casal está praticamente nulo. Acredite, não é para você que o parceiro(a) está se arrumando.

fonte: delas.com.br
 
Aurora Zanco
Share Button


Deixem seus comentários!

 

Copyright ©2013. All Rights Reserved.