Comer de 3 em 3 Horas – O Mito!

Share Button


Ainda bem que já está na hora do lanche, não aguentava mais a fome…

clock-2015037_1280

Certamente você já ouviu e até mesmo acreditou quando algum nutricionista, profissional de saúde ou então personal trainer falou assim:

“Comer de 3 em 3 horas acelera o metabolismo”

“Fazer pequenas refeições reduz a fome”

Já ouviu coisas assim, né?

Será mesmo que isso é verdade?

Comer frequentemente ajuda a controlar a fome e até mesmo a emagrecer?

Para a sua surpresa, vou quebrar estes e outros mitos sobre a frequência das refeições e você vai descobrir como vem sendo enganado todo este tempo…

MITO #1 – COMER FREQUENTEMENTE FAZ BEM PARA A SAÚDE

Já começo com um mito que muitos profissionais divulgam por aí parecendo que é a maior verdade do universo.

Olha só, pense por um instante em como evoluímos… chega ser até um estado não-natural do corpo ser alimentado frequentemente.

Acha que nossos ancestrais se alimentavam diariamente, melhor ainda, acha que eles tinham barrinha de cereal pra comer a cada 3 horas?

Difícil imaginar isso, né?

O fato é que durante a evolução nós passamos tempos sem ter o que comer, não era todo santo dia que “a comida batia na porta da caverna.” (piadinha ficou ó,palm-35884_640)

Voltando ao assunto sério…

Existem evidências científicas comprovando que ficar períodos sem se alimentar contribui com a autofagia (processo de reparo, onde as células usam proteína que não tem mais uso como fonte de energia).

Falando ainda sobre a autofagia, existem diversos estudos mostrando que ela nos protege contra doenças, como por exemplo o Alzheimer e também pode diminuir o risco de câncer.

Outros estudos mostraram resultados que fazer pequenos lanches frequentemente, tem na verdade efeitos negativos para a nossa saúde, aumentando riscos de várias doenças!!

Existem muitos, mas muitos outros estudos comprovando que comer frequentemente não faz bem para a nossa saúde…

Uma pesquisa publicada na Associação Americana de Pesquisas do Câncer revelou que: “comer frequentemente aumenta o nível de colesterol e induz o acúmulo de gordura no fígado”.

Ou seja, não existe evidência de que comer com frequência traz benefícios para a nossa saúde!

MITO #2 –  PEQUENAS REFEIÇÕES EMAGRECEM

Essa acho que é uma das “verdades” mais disseminadas por aí.

As pessoas que acreditam nisso, tem como verdade que comendo com frequência aumenta o metabolismo (queimando mais gorduras).

Vamos as provas então – as verdades. O que a ciência nos diz sobre isso..

Um estudo recente, de 2016, publicado no Centro Nacional de Informações Biotecnológicas dos Estados Unidos, diz o seguinte:

“…ainda existe uma percepção, que comer várias pequenas refeições ao longo do dia é benéfico para a saúde e controle de peso. No entanto, os resultados não suportam estas evidências, recentes estudos sugerem que o aumento do período de jejum pode trazer um melhor resultado na perda de peso e saúde.”

Um outro estudo feito com pessoas obesas, homens e mulheres revelou que não houve mudança na perda de peso quando alteraram de 3 para 6 refeições por dia.

Pra fechar aqui então, reforçando:

“Não existe evidência que suporte a teoria de que aumentando a frequência das refeições irá fazer você emagrecer”

MITO #3 – AUMENTA O METABOLISMO

Esse com certeza é o conceito mais disseminado no mundo fitness. Não tem como não ter ouvido:

“Comer de 3 em 3 horas aumenta o metabolismo e assim o organismo queima mais calorias”

Quantas vezes você já ouviu isso do seu personal trainer ou então do nutricionista?

Que é fato que o nosso corpo gasta uma certa quantidade de energia para assimilar os nutrientes, isso é comprovado.

Essa energia gasta é o chamado Efeito Térmico do Alimento, a quantidade aproximadamente 20-30% das calorias para a proteína, 5-10% para carboidratos e 0-3% para calorias da gordura.

Na média, o efeito térmico dos alimentos é de 10% da ingestão total das calorias. O que realmente nos interessa é quantidade total das calorias consumidas e não quantas refeições são feitas.

Por exemplo:6 refeições de 500 calorias é exatamente a mesma coisa que fazer 3 refeições de 1000 calorias. Como o efeito térmico dos alimentos é de 10%, ambas situações o efeito térmico é de 300 calorias.

Estudos já comprovaram isso na prática, diminuir ou aumentar a frequência de refeições não tem efeito sobre as calorias queimadas. Não existe benefício extra no emagrecimento se alimentando de 3 em 3 horas.

Certamente você já ouviu de alguém: “Eu conheço pessoas que emagreceram depois que começaram comer de 3 em 3 horas”.

É importante ficar bem claro o que irei falar agora, preste bastante atenção:

Algumas pessoas emagrecem comendo de 3 em 3 horas, porque não é a única coisa que elas alteram em sua rotina. Elas começam uma vida mais saudável, cortam os carboidratos refinados e processados e também os doces.

Essas pessoas estão emagrecendo apesar de estarem comendo de 3 em 3 horas e não porque estão se alimentando de 3 em 3 horas. Entendido? Ficou claro? Espero que sim!

Você não precisa de um gerenciador de tempo pra saber quando precisa comer.

stopwatch-2061849_1920

Quando você se alimenta de comida de verdade, o seu organismo se autorregula e você passa a comer apenas quando sentir fome.

Então era isso, para que o artigo não fique muito longo, publiquei um vídeo explicando com mais detalhes, só clicar e assistir a apresentação.

Obrigado pela sua atenção e até a próxima!

 

 

 

Share Button


Deixem seus comentários!

 

Copyright ©2013. All Rights Reserved.